Presidente Braulio França

Presidente Braulio França
Federação Paulista de Culturismo, Fitness e Bodyfitness

terça-feira, 29 de maio de 2012

SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO CAMPEONATOS IFBB - BRASIL!


SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO 
CAMPEONATOS IFBB - BRASIL


Conforme mencionado anteriormente no sistema de classificação que estava disponível neste espaço, alguns fatores ainda estavam em discussão na Comissão Diretiva. 
Assim, alterações foram realizadas no sistema com a finalidade de chegarmos a um modelo onde, tanto os atletas, quanto as federações possam realizar um bom trabalho. 
Alterações podem ser realizadas futuramente caso a Comissão Diretiva entenda a necessidade de melhorar a estrutura do esporte tanto para o atleta quanto para as federações.

 A partir deste ano, 2012, os campeonatos nacionais serão obrigatoriamente de caráter classificatório. A inscrição e participação nos campeonatos nacionais e internacionais ocorrem através da Federação Estadual. O dirigente responsável (Presidente, Vice-Presidente e/ou Secretário) deverá enviar a Confederação Brasileira uma lista com os nomes dos atletas do seu estado com competência para participar de um determinado evento e, somente então a IFBB Brasil inscreverá o atleta no campeonato.

Para campeonatos internacionais abertos, o procedimento será o mesmo. Ou seja, o atleta deve primeiramente entrar em contato com a Federação Estadual. Esta, através do seu representante legal, enviará uma liberação do atleta a IFBB Brasil e, somente então, uma autorização será enviada ao comitê organizador do campeonato.

Campeonato Estadual de Estreantes

Ø  Participam atletas que estão iniciando sua carreira esportiva em qualquer uma das modalidades presentes nos campeonatos: culturismo masculino e feminino, culturismo clássico, fitness feminino e masculino, bodyfitness, bikini e outras categorias não oficias, porém, oferecidas pela federação local;

Ø  A classificação dos atletas participantes para o Campeonato Estadual é de autonomia do Presidente e/ou seu Representante de cada Federação Estadual, que poderá, assim, determinar os critérios que acharem adequado ao seu estado;

Ø  Não é permitida a participação de atletas que não sejam do estado referente à Federação Estadual que organiza o evento. Exceções à regra ocorrem SOMENTE para atletas que moram em estados onde não há Federação Estadual vigente. A participação de atletas de outros estados em Campeonato de Estreantes e Campeonato Estadual é de autonomia de cada Federação Estadual. Atletas, estejam atentos, pois, há vários estados que não possuíam federação e as mesmas foram recém criadas, ou estão em processo de criação.

Os atletas que vivem em estados onde não há Federação e, que desejam competir por outro estado, devem, antes de realizar a inscrição no evento, solicitar autorização do Presidente responsável (há um link no site chamado "Federações Estaduais" onde poderá ser encontrado os contatos de cada federação).


Campeonato Estadual

Ø  Participam os atletas que já são competidores da IFBB e/ou que possuem um histórico de competição em outra entidade e, que desejam iniciar sua carreira na IFBB. E atletas que obtiveram sua classificação através do Campeonato de Estreantes (para as federações que adotarem este critério). A Federação Estadual tem autonomia para determinar a necessidade do atleta em competir no Campeonato Estadual;

Ø  Não é permitida a participação de atletas que não sejam do estado referente a Federação Estadual que organiza o evento. Exceções a regra ocorrem SOMENTE para atletas que vivem em estados onde não há Federação Estadual vigente. A participação de atletas de outros estados em Campeonato Estreantes é de autonomia de cada Federação Estadual que poderá vetar, em qualquer hipótese, a participação dos atletas de outros estados.

Os atletas que vivem em estados onde não há Federação e, que desejam competir por outro estado, devem, antes de realizar a inscrição no evento, solicitar autorização do Presidente responsável (há um link no site chamado "Federações Estaduais" onde poderá ser encontrado os contatos de cada federação).

Ø  Classificará para o Campeonato Brasileiro, apenas o 1º e 2º colocado de cada categoria. Em casos de unificação de categoria no Campeonato Estadual, os atletas desta categoria poderão participar do Campeonato Brasileiro em sua categoria de origem, se e SOMENTE se, o Presidente da Federação Estadual autorizar e inscrever o atleta. Por exemplo, unificando-se a categoria 65 kg e 70 kg, de forma que os atletas da categoria 65 kg tenham que participar da categoria 70 kg no Campeonato Estadual, o Presidente poderá convocá-los, respeitando-se o limite de dois atletas, para competir no evento nacional na categoria 65 kg;

Ø  A Federação Estadual, através do seu Presidente, tem autonomia para determinar a necessidade de uma atleta em competir o Campeonato Estadual para obter sua classificação para o Campeonato Brasileiro.



Campeonato Brasileiro

Ø  Participam os atletas classificados através do Campeonato Estadual, atletas que possuam autorização de não necessidade de competir no Campeonato Estadual, e atletas campeões no ano anterior;

Ø  Os atletas dos estados que não possuem Federação Estadual vigente deverão entrar em contato com IFBB Brasil através do e-mailsecretaria@ifbbbrasil.com.br para inscrição direta no campeonato;

Ø  O Campeonato Brasileiro é o passaporte para os eventos internacionais (Campeonato Sulamericano, Campeonato Mundial, Arnold Classic Amateur, entre outros). Classificará para os eventos internacionais o 1º e 2º colocado de cada categoria. O 3º colocado, e somente o terceiro, será convocado somente se houver desistência do primeiro e/ou segundo colocado;


Campeonato Sulamericano

Ø  Participam os atletas convocados através da classificação no campeonato nacional e com a liberação da Federação Estadual;

Ø  Será convocado apenas um atleta por categoria, por ordem de classificação, até o terceiro colocado (havendo desistência do primeiro e segundo colocado);

Ø  Independente do resultado obtido no Campeonato Sulamericano do ano anterior, o atleta que quiser competir neste evento deverá participar novamente do Campeonato Brasileiro para obter sua vaga.


Campeonato Mundial

Ø  Participam os atletas convocados através da classificação no campeonato nacional (primeiro e segundo colocado) e com liberação da Federação Estadual. Exceções a regra são os atletas que já possuem um histórico de bons resultados (top 5) em campeonatos mundiais; no entanto, sua inscrição também será realizada após liberação da Federação Estadual.


Campeonato Arnold Amateur (USA e Espanha)

Ø  Participam os atletas convocados da seguinte maneira:

Ä      Classificados como "top 2" no Campeonato Brasileiro serão convocados para o Arnold Amateur Europe do mesmo ano e do Arnold Amateur USA do ano seguinte. Por exemplo, os "top 2" no Campeonato Brasileiro de 2012 serão convocados para o Arnold Amateur Europe 2012 e Arnold Amateur USA 2013;

Ä      Os atletas classificados como "top 3" no Campeonato Sulamericanoserão convocados para o Arnold Amateur Europe do mesmo ano, e Arnold Amateur USA do ano seguinte. Por exemplo, os atletas "top 3" no Campeonato Sulamericano de 2012 serão convocados para o Arnold Amateur Europe 2012 e Arnold Amateur USA 2013;

Ä      Os atletas classificados como "top 5" no Campeonato Mundial do ano anterior ao evento. Por exemplo, o atleta "top 5" no Campeonato Mundial de 2012 será convocado para o Arnold Amateur USA e Arnold Amateur Europe;

Ä      Os atletas classificados como "top 1" – campeão – do Arnold Amateur Europe será convocado para o Arnold Amateur USA. Classificados como"top 1" – campeão – do Arnold Amateur USA será convocado para o Arnold Amateur Europe.

CAMPEONATOS INTERNACIONAIS ABERTOS

A participação em campeonatos abertos é pendente de convite do organizador a IFBB Brasil e autorização da IFBB Brasil ao atleta que deseja participar. Uma carta da IFBB Brasil será enviada ao atleta e ao organizador do evento. A participação em um evento sem prévia autorização da Federação Nacional é passível de punição, estando o atleta sujeito a suspensão de até 1 ano;

As autorizações somente serão emitidas aos atletas que se classificarem como "top 5" no Campeonato Brasileiro do ano em que a competição é realizada. Exceção à regra são os torneios realizados antes da data do Campeonato Brasileiro, onde a autorização será baseada na classificação do campeonato nacional do ano anterior;


*** Atletas brasileiros residentes em outros países e, que desejam competir em eventos internacionais para representar o país, 
devem seguir os mesmos procedimentos, impreterivelmente. *

Nenhum comentário:

Postar um comentário